Abissais

"Mais do que criar seres desconhecidos ao nosso mundo real, em ABISSAIS, Macke traz à tona o questionamento sobre a existência ímpar que se manifesta na realidade fantasiosa desses seres, ao explorar o fundo da mente como se estivesse em uma expedição no fundo dos oceanos. A exposição sugere a entrada numa zona abissal e apresenta seres que habitam esse espaço dentro e fora dele, instigando assim, a pensarmos sobre a insignificância dos padrões de existência pré-estabelecidos e o lugar que cada um ocupa no universo." (Dra. Silvana Boone, curadora da exposição Abissais, 2015)

 

 

  • Twitter Clean
  • Flickr Clean